sábado, 28 de janeiro de 2012


Quem sou

Às vezes penso que não sou
Às vezes tento me conhecer 
como conheço as aves, 
o calor das areias quentes
de uma praia do litoral.

Quem sou 
que caminho nas tardes a beira mar
que vejo o sol ao entardecer,
que em noite de escuridão
sou sombra de mim mesma
e me escondo, temendo amar 

Neyde Noronha

Nenhum comentário:

Postar um comentário