terça-feira, 10 de junho de 2008



Quero um amor



Quero um amor sadio
Não quero um amor doente
Um amor simples
e não exagerado.

Quero um amor verdadeiro
Não quero um amor de faz de conta

Quero um amor que deixe eu respirar
e não um amor que me sufoque
Um amor próspero
e não um amor decadente

Eu quero um amor impossível.
Por isso eu nunca o encontrei.




Seme Said

Um comentário:

  1. gostei muito so seu espaço, com tempo vou me aprofundar.. gostei do meu texto logo de cara..

    abraços

    seme

    ResponderExcluir